"

VALE 360 NEWS – NOTÍCIAS DO VALE DO PARAÍBA E LITORAL NORTE

As principais notícias do Vale do Paraíba e do Litoral Norte em destaque

VÍDEO: MC Paiva aponta de truculência da PM em abordagem em SJC. Vale 360 News mostra o caso em imagens

Advertisement

MC Paiva aponta de truculência da PM em abordagem em São José dos Campos. A prisão do funkeiro aconteceu na noite desta terça-feira (07/03), pela Avenida Gisele Martins, bairro Jardim Morumbi. Paiva trafegava pelo local, quando uma viatura da Polícia Militar deu ordem de parada, por falta das placas no veículo. A ordem não foi respeitada e houve acompanhamento até a parada do veículo em que o cantor estava em um semáforo da via.

No local, os policiais embicaram a viatura de modo que Paiva não pudesse sair com o carro de onde estava. Segundo o boletim de ocorrência, os PMs pediram que ele colocasse as mãos na cabeça, mas houve resistência e foi usado a força moderada na abordagem, sendo o cantor imobilizado no chão, como mostram as imagens obtidas pela reportagem. No local, de acordo com a PM, o cantor arrancou no sinal vermelho e bateu na parte lateral da viatura. Os policiais alegam que houve desacato por parte do funkeiro e ele recebeu voz de prisão. Na busca veicular os agentes disseram ter encontrado uma garrafa de bebida alcoólica. Ainda de acordo com o BO, indagado, Paiva informou que havia ingerido a bebida e começou a ofender os policiais.

O advogado de Paiva, Marco Antônio Pereira de Souza Bento, contesta o uso de força moderada e disse que excesso e abuso de autoridade da Polícia Militar. “Como patrono do Davi Paiva e no monopólio da última palavra, diante o ocorrido em consonância a prerrogativa constitucional, destaca-se deixar consignado a oitiva que ensejou na representação a agressão imposta, no abuso de autoridade, usada força física rígida na região do pescoço, onde poderia ter causado asfixia ao meu cliente, quedando-se no risco eminente de vida… insustentável e degradante a imposição do estado, haja vista que o mesmo não apresentou prática evasiva no momento da “abordagem” repentina”, disse o advogado.

Paiva foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) para exames de corpo delito e exames complementares. Na volta à delegacia, ele ficou mais de cinco horas dentro da viatura aguardando ser chamado para oitiva. Ele foi liberado da delegacia às 04h16.

A defesa de Paiva vai juntar as provas, imagens e documentos e fazer uma representação na corregedoria da Polícia Militar contra os policiais que agiram no caso na noite desta terça-feira (07/03).

Paiva ainda foi multado por cometer infrações de trânsito: Trafegar sem placas e avançar o sinal vermelho.

A reportagem já solicitou à PM uma posição e uma nota foi nos enviada:

“A Polícia Militar informa que ontem, durante o patrulhamento pela R. Gisele Martins, a equipe vislumbrou um veículo conversível preto, sem as placas de identificação, avançando o semáforo vermelho. Na tentativa de abordagem, o condutor do veículo não obedeceu a ordem de parada e chegou a colidir contra a viatura policia. Durante a realização da abordagem, o condutor, posteriormente identificado como sendo “MC Paiva”, não obedeceu as determinações policiais, resistiu à abordagem, foi imobilizado, algemado e preso. Ainda no compartimento de preso da viatura proferiu xingamentos contra os policiais.

Diante dos fatos, na presença de seu advogado, foi conduzido até a Delegacia de Polícia para as providências de Polícia Judiciária, o veículo foi recolhido ao pátio, além de outras medidas administrativas que foram adotadas.”

*Não perca a oportunidade de ficar bem-informado (a). Ganhe tempo e receba no seu Whatsapp as principais notícias do Vale do Paraíba. É simples, aperte o botão abaixo e entre na nossa comunidade. 

ENTRE NO GRUPO DE NOTÍCIAS GERAIS. É GRÁTIS!

SIGA NOSSO INSTAGRAM

Leia Mais