"

VALE 360 NEWS – NOTÍCIAS DO VALE DO PARAÍBA E LITORAL NORTE

As principais notícias do Vale do Paraíba e do Litoral Norte em destaque

Homem se passa por falso policial para extorquir vítimas em São José dos Campos e Jacareí

Advertisement

O crime cibernético tem se mostrado cada vez mais sofisticado, e um caso recente na região de São José dos Campos e Jacareí evidencia essa realidade. Um indivíduo se passando por um falso policial utilizou ameaças e intimidações para extorquir vítimas, colocando em risco não apenas seu patrimônio, mas também sua segurança e bem-estar. CLIQUE AQUI E ENTRE NO NOSSO CANAL DO WHATSAPP

Alerta sobre golpes e extorsões

No dia 13 de março de 2024, uma vítima recebeu uma mensagem em seu aplicativo de WhatsApp, originada de um número desconhecido, exigindo o pagamento de R$ 3.000,00 sob a ameaça de ser preso novamente pelo crime de tráfico de drogas. Temendo as consequências de uma possível prisão injusta, a vítima efetuou um Pix para uma conta indicada pelo golpista, totalizando R$ 540,00 em pagamentos. Os criminosos, se passando por um Escrivão de Polícia, continuaram a exigir pagamentos, ameaçando “forjar um flagrante” na companheira da vítima caso não fossem atendidos. Sob pressão, mais pagamentos foram realizados, totalizando R$ 1.840,00.

Investigação e prisão do criminoso

As autoridades policiais iniciaram uma investigação minuciosa após o registro do caso. Através de técnicas de rastreamento digital e monitoramento das comunicações. Após deixar a unidade policial, as vítimas entraram em contato com as autoridades novamente e informaram  que o golpista se utilizando de outros números de telefone haviam feito novo contato insistindo no pagamento de R$ 2,5 mil sob a promessa de concretizar as ameaças de “forjar” um flagrante de tráfico de drogas no casal.

Desse modo, a vítima foi orientada a efetuar o pagamento mediante entrega monitorada por policiais civis. O suposto policial, então, aceitou que a entrega do dinheiro ocorresse no estacionamento de um supermercado, situado na Avenida Samuel Wainer, Jardim Augusta, São José dos Campos, onde enviaria um motorista de aplicativo para a realização do recolhimento do dinheiro.

Os policiais passaram a monitorar o estacionamento, ocasião em que compareceu o motorista de aplicativo. Neste momento, as vitimas entregaram ao motorista um envelope simulando ter no seu interior dinheiro e perguntaram qual seria o destino, sendo-lhes informado pelo motorista que iria realizar a entrega na Rua Antônio José, 150, em Jacareí.

A partir de então, duas equipes em viaturas descaracterizadas passaram a seguir o motorista até o endereço de destino. Chegando no local, visualizaram o momento em que um homem se aproximou do veículo ocupado pelo
motorista de aplicativo, momento em que as equipes realizaram a abordagem do suposto policial
.
Questionado a respeito da extorsão e se era policial, prontamente confessou a prática delituosa e esclareceu que não era
policial, afirmando que os aparelhos celulares que estavam em sua posse foram utilizados para as exigências de valores. Questionado se havia algum policial envolvido, negou. Indagado o porquê ter utilizado o nome do policial, disse que esse nome era conhecido por prender diversos criminosos em Jacareí e, assim, daria mais credibilidade às exigências de valores. Acrescentou, ainda, que já foi apreendido pelo policial duas vezes quando era adolescente e que sabia muitos detalhes das vítimas porque as conhecia do “corre”.
.
Diante disso, o criminoso foi conduzido até a unidade policial, ocasião em que o delegado decretou a prisão em flagrante.

Não perca a oportunidade de ficar bem-informado (a). Ganhe tempo e receba no seu Whatsapp as principais notícias do Vale do Paraíba. É simples, aperte o botão abaixo e entre no nosso grupo.